• Daiane Rost

No Poo e Low Poo: técnicas de limpeza mais cuidadosas com os seus fios


Os condicionadores tradicionais estão repletos de substâncias polêmicas, como petrolatos -derivados de petróleo-, que além de apenas servirem como uma película que maquia o fio, é prejudicial ao meio ambiente. Ao formarem essa película no fio, torna-se mais difícil que ativos de tratamento consigam surtir efeito pois há literalmente uma barreira que impede esses de agirem e com isso a tendência é que o fio fique pobre em nutrientes, ocasionando um cabelo desidratado, porém “maquiado”, o famoso cabelo que sem condicionador e/ou leave in fica volumoso, sem forma e com bastante frizz.

Para remover esses derivados de petróleo os shampoos tradicionais possuem componentes que limpam de forma prejudicial o cabelo, promovendo uma limpeza tão forte que compromete a barreira lipídica natural do couro que protege contra bactérias e fungos. Além de prejudicar a proteção microbiológica, o ressecamento dessa limpeza pode causar descamação do couro cabeludo, deixando o cabelo com aspecto de caspa e além da coceira, nosso organismo passa a produzir maior oleosidade para tentar compensar a agressão que está o sensibilizando, resultando em um cabelo com aspecto de sujo mais rapidamente.

Com o intutito de diminuir o ressecamento promovido pela limpeza do couro cabeludo e fios, surgiram as técnicas de lavagem que utilizam shampoos com sulfato mais fraco que os mais convencionais (Low Poo) e que não utilizam shampoos (No Poo). Inicialmente os produtos foram focados para cabelos cacheados e crespos que apresentam maior facilidade de ressecamento pela oleosidade natural do couro cabeludo não chegar tão facilmente as pontas se comparado ao cabelo liso, porém o movimento conquistou todos os públicos aos cosméticos serem mais gentis com o couro cabeludo, promovendo também a saúde desse, diminuindo a probabilidade de irritação ou desenvolvimento de dermatite seborreica devido ao ressecamento do couro cabeludo.


Mas afinal, o que torna um produto Low Poo ou No Poo¿

Low Poo é a técnica que utiliza sulfatos menos agressivos que os mais tradicionais, por ainda conter sulfato, o shampoo low poo consegue remover silicones insolúveis -como dimethicone, amodimethicone, simethicone, dentre outros-, entretanto a técnica exige que não sejam utilizados produtos que contém derivados de petróleo (óleo mineral, petrolatum, parafinum liquid, dentre outros) pois esses somente são removidos com o uso de sulfato forte como o tradicional Lauril Sulfato de Sódio que apresenta um alto índice de irritabilidade.

a técnica No Poo não utiliza sulfatos e por isso deve ser utilizado apenas componentes solúveis em água, evitando também os silicones insolúveis citados acima. Os agentes surfactantes utilizados em produtos de limpeza tem poder de limpeza suave, auxiliando na remoção da oleosidade e resíduos de produtos que são solúveis em água. Para a limpeza pode ser utilizado condicionadores no poo ou os chamados co wash, que usualmente apresentam agentes de limpeza como o camidopropyl Betaine, Sodium Lauroyl Sarcosinate, Lauryl Sulfoacetate ou Sodium Cocoyl Sarcosinate que gentilmente facilitam a limpeza. Ambas as técnicas são indicadas para todos os tipos de cabelo, inclusive cabelos descoloridos e com química, e proporcionam cabelos mais hidratados e nutridos, com menos frizz e menor frequência de necessidade de reconstrução capilar visto que a composição dos fios são respeitadas.

As técnicas de Low Poo e No Poo são associadas ao autocuidado e respeito com o que nos compõe e influencia na autoestima, nosso cabelo! O mercado desses cosméticos está em constante crescimento há anos e os mercados passaram a valorizar marcas menores porém que apresentam esse enorme diferencial visto que o movimento conquista um público crescente que não estava satisfeito com as marcas mais convencionais que utilizam os componentes tradicionais que são chamados de proibidos pelas técnicas. A Terapêutica Jr. é experiente em fórmulas que conquistam todos os tipos de públicos, Low Poo, No Poo, vegano, cruelty free, orgânicos, dentre outros. Ficou interessado ou tem alguma dúvida? Estamos ao seu dispor para te ajudar a conquistar esse mercado inovador.


Fontes:

https://www.dermabox.com.br/pagina/no-e-low-poo-guia-para-iniciantes.html

https://claudia.abril.com.br/cabelos/no-poo-e-low-poo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-esses-dois-metodos-de-lavagem-capilar/

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Contate-nos

Obrigado pelo envio!

Universidade de Brasília Brasília DF Brazil

©2021 by Terapêutica Jr.. Proudly created with Wix.com